Pular para o conteúdo

A Medicina Veterinária do Coletivo (MVC) é uma especialidade multidisciplinar da Medicina Veterinária já reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária que utiliza conhecimentos da Saúde Coletiva, da Medicina de Abrigos, da Medicina Veterinária de Desastres e da Medicina veterinária Legal para promover a saúde e o bem-estar dos indivíduos, famílias, comunidades e entorno, considerando os animais como parte integrante e indissociável dessas representações e gerando diversas possibilidades de interação com outras disciplinas e novas áreas para atuação do profissional.


A MVC envolve uma atuação da medicina veterinária com entendimento do complexo social e suas demandas políticas, econômicas, sociais e educacionais existentes em todas as comunidades e territórios, visto que essas demandas não são apenas problemas humanos, pois refletem sobre a vida dos indivíduos, famílias, comunidades e seus animais. As desigualdades sociais, as estruturas socioeconômicas e políticas impactam todos os seres, inclusive os animais que fazem parte da nossa sociedade e sofrem as consequências. Há necessidade de um olhar mais amplo, observando as diferenças, além de repensar as nossas condutas e o que queremos para o futuro, assim como remover restrições, renovar e ampliar saberes, integrar programas e estratégias para o bem comum, no qual humanos e animais compartilham o mesmo ambiente, na perspectiva então, da aprendizagem e aplicação de práticas dos conceitos relacionados à Saúde Única.

Fonte:
GARCIA, R. C. M.; CALDERÓN, N. & BRANDESPIM, D. F. Medicina veterinária do coletivo: fundamentos e práticas. Introdução à medicina veterinária do coletivo. ed. 1ª Editora Integrativa Vet. São Paulo. 1ª ed. p. 20-33. 2019a.

 Índice de Abandono no Brasil

Escrito por: Anita de Souza Silva Revisado por: Lucas Galdioli O relatório do Índice de Abandono Animal no Brasil, um projeto global liderado pela Mars em parceria

Leia mais »

Dia Internacional dos Animais de Rua

 ​​​ Escrito por: KaiqueLeite Revisado por: Rosângela Gebara e Lucas Galdioli O Dia Mundial dos Animais de Rua, celebrado em 4 de abril, surgiu na Holanda na década

Leia mais »

Zoonoses ocupacionais

Embaixadora: Anita de Souza Silva Revisor(a): Os profissionais podem ser expostos a diversos perigos e riscos que aumentam a possibilidade de contrair doenças no ambiente

Leia mais »